Podcast Cinem(ação)

Informações:

Sinopse

Cinem(ação) é um espaço democrático para discussão de filmes, mercado cinematográfico e entrevistas. Oferecemos também artigos, críticas, e outros podcasts em nosso portal! www.cinemacao.com

Episódios

  • #412: Caderno de perguntas dos filmes

    #412: Caderno de perguntas dos filmes

    08/05/2021 Duração: 01h39min

    Vem que tem cachorrada, vem que tem caderninho de perguntas de colégio só sobre filmes! Isso mesmo: nós vamos tentar relembrar e pensar em filmes divertidos, curiosos, marcantes, e que se encaixam em categorias esquisitas ou inesperadas! Então simbora que tem papo divertido hoje! Rafael Arinelli, Daniel Cury e Henrique Rizatto conversam sobre filmes que ajudam a viajar, que tem gente famosa, que adorariam ter visto no cinema, e muito mais! Citamos Bacurau, Aquarius e Que Horas Ela Volta?, o filme Latitudes, A Vida Secreta de Walter Mitty e Comer Rezar Amar. Além disso, que ta assistir Tubarão, Psicose ou O Homem que Caiu na Terra, tudo no cinema? E o que tem de memorável em Resident Evil 4? Em Avatar? Em Pacific Rim? Ou então você pode tirar uma soneca com Primeiro Homem, A Marcha dos Pinguins e Cruzada. E que tal filme com ET? Pode ser Guerra dos Mundos, Marte Ataca ou Cônicos e Cômicos. Além disso, você também vai entender o que Mãe, Parasita e The Room têm em comum! É só dar o play! Participe do nosso gr

  • #411: Oscar 2021

    #411: Oscar 2021

    30/04/2021 Duração: 01h47min

    Hoje é dia de discutir sobre o Oscar. A premiação do Oscar 2021 foi estranha assim como os tempos em que vivemos. Mas isso não significa que não devemos nos divertir com isso. Então vem com o Cinem(ação) que tem zoeira e pistolagem, mas também tem papo sério e vários pitacos para a Academia contratar o Boninho ou “nóis memo” pra fazer a premiação no ano que vem! Rafael Arinelli, Daniel Cury, Bárbara Kruczynski (Wanna Be Nerd) e Edu Sacer (Loggado) conversam sobre como a galera viu o Oscar 2021 em tempos de “pands”, como a falta de cinema atrapalhou a premiação, e como o Soderbergh deveria fazer só filmes (risos). Tem pistolada sobre o filme do polvo, sobre a canção da H.E.R. em detrimento do “Husavik”, e a surpresa do Anthony Hopkins no momento mais anticlimático da história dos Academy Awards. E comentamos cada uma das categorias! Dê o play que você vai se divertir!   Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao    06m01: Repercussão 12m40: Pauta Principal 1h30m03: Plano Detalhe 1h42m23:

  • #410: Como você está, de verdade?

    #410: Como você está, de verdade?

    24/04/2021 Duração: 01h53min

    A gente fala sobre o Oscar, os filmes e os lançamentos como se estivesse tudo bem, mas infelizmente o fato é que não está tudo bem. No fundo, todos nós estamos sofrendo todos os dias, seja com as notícias, seja com a rotina esquisita há mais de um ano. Então, hoje é dia de falar com os amigos sobre isso e dar aquele abraço virtual coletivo. Rafael Arinelli, Daniel Cury, Thamires Viana (Cineclick) e Fernando Machado (Plano-Sequência) conversam sobre coisas do dia a dia: as máscaras, o estilo de vida, as redes sociais e como elas ajudam ou atrapalham, a terapia e o que podemos depreender dela. Tem papo sobre nossa criatividade, vivências pandêmicas, e filmes menos sérios, tipo Godzilla vs Kong e Amor e Monstros. Discutimos a importância das conversas sobre amizades e amigos, o “limbo” do isolamento social e o famoso BBB e sua capacidade de servir de válvula de escape… sem contar os exercícios! Dá o play, porque todos nós precisamos falar sobre isso. Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao

  • #409: Bela Vingança / Meu Pai

    #409: Bela Vingança / Meu Pai

    17/04/2021 Duração: 02h02min

    Eis que chegou o último podcast da nossa “maratona do Oscar”. Hora de falar sobre o impactante “Bela Vingança” e o emotivo “Meu Pai”. Afinal, seriam apenas um “rape revenge” e um “drama britânico”? Não, muito mais do que isso: são alguns dos melhores filmes da temporada! Rafael Arinelli, Daniel Cury, Carissa Vieira e Fabiana Murray conversam sobre o quanto Meu Pai é um filme de alta qualidade, e como Bela Vingança brinca com nossas expectativas. Tem papo sobre o tom e as cores do filme com Carey Mulligan, bem como questões sobre machismo e o corpo da mulher na sociedade, sem contar a ausência de vitória que o filme representa. No debate sobre o longa estrelado por Anthony Hopkins, tem debate sobre o fato de ser um filme intimista, com design de produção invejável e a maneira como o filme usa a câmera - e ainda faz uma ótima representação da demência na idade avançada. Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao  07m52: Repercussão 14m02: Pauta Principal - Bela Vingança 58m15: Pauta Princi

  • #408: Nomadland

    #408: Nomadland

    10/04/2021 Duração: 01h48min

    Se você ainda não viu Nomadland, você PRECISA VER! O filme de Chloe Zhao com atuação de Frances McDormand, além de ser lindo, provavelmente vai ganhar o Oscar! Então fique por dentro com esse podcast que discute cada detalhe e vai além nos pontos importantes que ele traz. Rafael Arinelli, Daniel Cury, Edu Sacer (Loggado) e Laysa Zanetti (Achados e Perdidos) conversam sobre os traços autorais da diretora, a câmera intimista e também a visão ampla das paisagens, o fato de Frances faze uma personagem muito terna e doce, e muito mais. O assunto vai muito para as questões políticas subjacentes à narrativa, mas também se embrenha nos pontos mais emocionantes e humanos da história. Tem conversa sobre a vida mais simples, o fato de o filme não dar respostas ao espectador, e sobre algumas coisas que Chloe Zhao faz no filme. O podcast está bonito e super profundo! Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao  06m48: Repercussão 17m06: Pauta Principal 1h21m59: Plano Detalhe 1h40m00: Encerramento Ouça

  • #407: Mank / Minari

    #407: Mank / Minari

    03/04/2021 Duração: 01h51min

    Hoje é dia de falar sobre dois filmes: Mank e Minari! O primeiro é dirigido por David Fincher e tem “cara de Oscar”, ou pelo menos é o que a Academia gosta. O segundo é um filme pessoal, autobiográfico e independente. Mesmo assim, os dois formam uma dupla interessante de se discutir, então vamos seguir na nossa maratona do Oscar! Rafael Arinelli e Daniel Cury e Marcela Gelinski, do Coisa de Cinéfilo, discutem sobre Mank e a política como sua espinha dorsal, e criticam tanto os aspectos negativos quanto os aspectos positivos do longa de Fincher, que traz um roteiro pretensioso e cheio de elementos. O papo vai para o Cidadão Kane, é claro, e entra também no âmbito da Amanda Seyfried e do papel das mulheres em Mank. Quando o assunto entra em Minari, o debate vai para a imigração e as metáforas a respeito dela, incluindo as raízes da planta que intitula o filme, e as ideias de se tornar útil para a sociedade como uma família recentemente chegada no país. O papo é sobre sonhos, sobre movimento, e sobre a atuação

  • #406: Liga da Justiça de Zack Snyder

    #406: Liga da Justiça de Zack Snyder

    27/03/2021 Duração: 01h45min

    Como é que a gente iria dormir em paz se não gravássemos um episódio sobre este acontecimento cinematográfico pop nerd? O fato é que Liga da Justiça de Zack Snyder, o famoso Snydercut, está entre nós. E as 4 horas de filmes em formato 4:3 exigem um papo detalhado… e cheio de bom-humor! Rafael Arinelli e Daniel Cury, Henrique Rizatto (Geração M) e Nadja Lirio (Podcrastinadores e Experimento 237) trocam ideias sobre a importância (ou não) de se fazer um corte do diretor - e se o Snyder se encaixa nessa categoria - e ainda falam sobre como o filme melhora algumas questões, como o passado do Cyborg, as caixas como McGuffin, e a trilha sonora e “fetishização” dos personagens que o cineasta promove (ouça o podcast sobre o primeiro filme). As pontas soltas e as que são amarradas também são motivo de conversa, bem como a questão do universo do “Apokolips” em “Liga da Justiça”. Ainda falamos sobre as oportunidades de negócio que a Warner pode fazer a partir de agora (porque somos consultores de grandes estúdios! kkkk

  • #405: Por que amamos documentários?

    #405: Por que amamos documentários?

    20/03/2021 Duração: 01h53min

    Você gosta de ver documentários? Pois é… muita gente adora documentários, ainda mais depois que os serviços de streaming descobriram esse nicho apostaram em diversos tipos, dos mais simples aos mais complexos. Pensando nisso, decidimos falar sobre esse assunto. Afinal, existem diversos tipos de documentários e vários assuntos para abordar, além de muitas dicas de documentários para se ver. Rafael Arinelli e Daniel Cury, Henrique Rizatto (Geração M) e Pedro Amaro (Canal Claquete) conversam sobre a diferença entre documentário e reportagem com base nos debates sobre o filme “Democracia em Vertigem”, comentam a definição de documentário, citam como o documentário é um ponto de vista e até falam sobre como a lógica do filme comercial não bate com os docs. Tem comentário sobre Blackfish, Tiros em Columbine, Farenheit 911, Ilha das Flores, e até sobre questões técnicas que podemos relevar dependendo do que é mostrado, como no “A Batalha do Passinho”. É claro que tem comentário sobre Eduardo Coutinho e seu Cabra Ma

  • #404: Judas e o Messias Negro

    #404: Judas e o Messias Negro

    13/03/2021 Duração: 01h42min

    Judas e o Messias Negro é o filme de Shaka King que chegou com tudo na temporada de premiações, especialmente no que diz respeito à atuaçã de Daniel Kaluuya como Fred Hampton. Mas o filme também é um retrato muito realista e cuidadoso dos Panteras Negras e de como a organização política funcionava, além de olhar tudo sob o ponto de vista de Bill O’Neal, o informante do FBI. Por isso, o debate sobre o filme precisa ir além, e é isso que fazemos aqui no Cinem(ação)!   Rafael Arinelli e Daniel Cury conversam com Jaqueline Pereira da Silva sobre diversos pontos importantes do filme, desde a direção e as escolhas de Shaka King em começar o filme com cenas reais, até as questões de luta de classes que os Panteras Negras questionavam. No podcast, você vai conhecer um pouco mais das circunstâncias que levaram os produtores a fazerem o filme que fizeram, além de detalhes da vida das pessoas biografadas pelo filme. Tem papo sobre o carisma e a forma como Hampton foi retratado, e o medo que alimentou o trabalho de O’N

  • #403: Final feliz: precisa?

    #403: Final feliz: precisa?

    06/03/2021 Duração: 01h41min

    Após uma reflexão sobre os filmes “Soul” e “Para Todos os Garotos: Agora e Para Sempre”, decidimos falar sobre uma questão importante: o final feliz. Afinal, o que é um final feliz e como ele se relaciona com os filmes? Em que circunstâncias os finais felizes são ruins para a narrativa, e em que circunstâncias eles são boas pedidas? Hoje é dia de falar sobre isso! Rafael Arinelli e Daniel Cury conversam com Anna Livia (Quarta Parede, Que Crime Foi Esse?) e Bruno Passos (Passos Nerds, Passos em Cena) sobre muita coisa, incluindo filmes como “O Sol Também é uma Estrela”, A Viagem de Chihiro, La La Land, Her. E conversam sobre como o final feliz pode impactar a mensagem ou narrativa do filme, o que faz com que o final seja realista, bem como as relações da mensagem com o público em formação. Tem papo sobre final catártico (À Procura da Felicidade), sobre feel good movies (Chef, O Amor Não Tira Férias), e Divertida Mente ou Parasita - e uma questão importante do filme. Ah, e tem crítica ao Star Wars: A Ascensão

  • #402: Pieces of a Woman / Uma Noite em Miami

    #402: Pieces of a Woman / Uma Noite em Miami

    26/02/2021 Duração: 01h51min

    Pieces of a Woman (Netflix) e Uma Noite em Miami (Prime Video) chegaram com qualidade e profundidade nos serviços de streaming e na corrida das premiações. Será que vem Oscar por aí? Tanto o filme do húngaro Kornél Mundruczó quanto o da atriz e diretora Regina King são adaptações teatrais que merecem nossa atenção. Rafael Arinelli e Daniel Cury recebem Ieda Marcondes (crítica e jornalista) e Clara Lima (Canal Claquete) para discutir diversos pontos dos dois filmes. Sobre Pieces of a Woman, tem conversa sobre parto humanizado, a cena inicial em plano-sequência, as ondas dramáticas do filme, o fato de ser “monótono” (no bom sentido), os personagens da mãe da Martha e do marido dela, a representação narcisista da mãe da protagonista, decisões do roteiro sobre o terceiro ato e a cena final, e claro, as atuações! Depois, sobre Uma Noite em Miami, discutimos o pano de fundo teatral, a forma como os personagens de Cassius Clay, Jim Brown, Sam Cooke e Malcolm X se fazem na trama, a alfinetada em Green Book, a vuln

  • #401: Soul / O Som do Silêncio

    #401: Soul / O Som do Silêncio

    19/02/2021 Duração: 01h48min

    Tem muitos filmes que chegaram aos serviços de streaming e que estarão presentes nas temporadas de premiações. Por isso, decidimos falar de dois filmes de uma vez: Soul e O Som do Silêncio. Um é da Disney+, o outro do Prime Video, e os dois têm suas semelhanças. Rafael Arinelli e Daniel Cury recebem Carissa Vieira e Victor Martins (Assim Falou Victor) para discutir questões relacionadas a Soul e O Som do Silêncio, exatamente nesta ordem. A discussão começa com uma crítica importante relacionada à animação da Pixar e ao fato de o personagem negro não ficar “dentro” de seu corpo, tal qual outras animações com protagonistas negros. Mas é claro que isso não significa que o filme é ruim, pelo contrário: falamos sobre como ele é ousado em sua técnica, bem como em sua trama, apesar de haver algo no final que incomodou algumas coisas (ouça e você saberá! aí é só comentar se concorda ou não). Sobre “O Som do Silêncio” (Sound of Metal), tem discussão sobre o estudo de personagem, a forma como o filme mostra a surdez d

  • #400: Desconstruindo os tempos de John Hughes

    #400: Desconstruindo os tempos de John Hughes

    13/02/2021 Duração: 01h05min

    Continuando a nossa tradição de fazer episódios especiais nos podcasts de número redondo, desta vez trazemos um episódio de número 400 mais do que especial! Pensando em todos os nossos ouvintes que vibram com as obras dos anos 80 e adoram um clima de nostalgia, decidimos desconstruir um pouco deste período a partir de um recorte específico: os filmes de John Hughes. Neste podcast, com roteiro de Daniel Cury, produção e edição de Rafael Arinelli, e participações de Domenica Mendes, Edu Sacer e Guilherme Arinelli, vamos fazer uma viagem pelos anos 1980 e 1990, quando John Hughes roteirizou e dirigiu a maior parte de seus filmes, e eles foram reprisados incansavelmente na televisão. Por meio de uma análise de como foram os anos 80 e 90, e com base em pensamentos sobre encontros de gerações e a forma como elas foram moldadas por meio dos acontecimentos históricos. A grande questão que tentamos responder é: os filmes de John Hughes falam com o público de hoje? A forma como os jovens e a geração dos anos 80 e 90 f

  • #399: Expectativas para 2021

    #399: Expectativas para 2021

    06/02/2021 Duração: 02h05min

    Voltamos! A gente sabe que o ano de 2021 já começou e já envelhecemos 10 anos ou mais nesse último mês, mas para seguir a nossa tradição decidimos trazer aquela passada geral pelos filmes que vêm por aí (ou que pelo menos esperamos que venham mesmo). Rafael Arinelli, Daniel Cury, Edu Sacer (Loggado) e Thamires Viana (Cineclick) conversam sobre MUITA coisa: tem recapitulação de como foi o ano de 2020 (sorry, rs), papo sobre o streaming tomando conta de nossas vidas em função do fechamento dos cinemas, as estreias picotadas que acontecem agora que não tem aqueles lançamentos no cinema pra valer… tudo com descontração. Ah, e claro, tem panorama de vários filmes que queremos ver neste ano, como Nomadland, Minari, Lugar Silencioso 2, Velozes e Furiosos 9, Invocação do Mal 3, Missão Impossível 7, I Care a Lot, Marighella, Os Eternos, In the Hights, Don’t Look Up, Duna, e muito mais, incluindo reclamações sobre o Nolan e comentários sobre acontecimentos recentes. Vem que tá divertido, e ainda vai fazer você pensar

  • #398: A Voz Suprema do Blues

    #398: A Voz Suprema do Blues

    25/12/2020 Duração: 01h58min

    A Voz Suprema do Blues é o novo filme da Netflix que tem chances de conquistar prêmios. Sem contar que ele ainda traz a diva Viola Davis e o já saudoso Chadwick Boseman no elenco, com produção de Denzel Washington. Por isso, nada melhor que fazer o último podcast do ano sobre este longa! Rafael Arinelli, Daniel Cury, Diego Quaglia (Fiz Cinema e Artecines) e Bárbara Kruczynski (Wanna Be Nerd) trocam ideias sobre a atuação de Viola e Chadwick dentro da proposta de uma adaptação de peça teatral, o minimalismo dos cenários, e a relação entre personagens deste filme e do Um Limite Entre Nós, outra adaptação de August Wilson. Tem pontuação sobre as sutilezas que o filme traz, o arco de transformação de Levee, e questões raciais que passam pela situação dos personagens, o contexto histórico da peça e a apropriação cultural do blues. É muito assunto, então dê o play e vem curtir sua coca gelada! Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao • 05m19: Repercussão • 16m25: Pauta Principal • 1h30m23: P

  • #397: Queen  Slim

    #397: Queen & Slim

    19/12/2020 Duração: 01h57min

    Queen & Slim, de Melina Matsoukas, é um filme excelente que acaba de chegar no Telecine! Ele conta a história de um homem e uma mulher que estão em um encontro marcado por aplicativo, não se dão muito bem, mas acabam se envolvendo em uma situação que os obriga a sair em fuga. É um filme com personagens ricos e muito bem elaborados, uma trama intensa e temas importantes! Rafael Arinelli, Daniel Cury, Augusto Oliveira (O Lado Negro da Força) e Fernando Machado (Plano-Sequência, Artecines) conversam sobre muita coisa que torna esse filme rico: a dicotomia entre os personagens, bem como a dinâmica entre os dois, as cenas mais bonitas do filme, a forma como os personagens vão se conectando, questões relacionadas à violência policial, e questões como o fato de não se falar o nome dos protagonistas. Tem problemas relacionados à forma como uma certa morte é tratada, questões sobre ser diplomático ou violento, e os pontos do filme que falam de coletividade e pertencimento. Veja o filme e ouça o podcast… ou vice-versa

  • ESPECIAL: Filmes subestimados

    ESPECIAL: Filmes subestimados

    15/12/2020 Duração: 01h02min

    Existem filmes que fazem sucesso, existem filmes fracos… e existem os filmes injustiçados, deixados de lado, SUBESTIMADOS! São aqueles filmes que acreditamos que deveriam ter tido mais sucesso, mais prêmios, mas “bafafá”, e acabaram ficando um pouco de lado! Como no Telecine tem MUITOS filmes disponíveis, alguns deles se encaixam nessa categoria, e é sobre eles que vamos falar neste podcast que fizemos em parceria! Rafael Arinelli, Daniel Cury e Beto Padreca conversam sobre diversos filmes disponíveis na plataforma do Telecine que deveriam ser mais valorizados. Alguns são “subestimados unânimes”, mas alguns geram discordância! Entre eles, estão “O Homem-Aranha no Aranhaverso”, “O Protetor”, “O Amor Não Tira Férias”, “Escola de Rock”, “Praia do Futuro”, “Trocando os Pés”, “Robocop”, “Jumanji”... e mais! Ah, e se você não tem Telecine, saiba que você pode ganhar 60 dias GRÁTIS clicando no link abaixo! São dois meses de graça apenas para ouvintes do Cinem(ação)! O acesso é gratuito caso você tenha os canais na

  • #396: Biografia: Agnès Varda

    #396: Biografia: Agnès Varda

    12/12/2020 Duração: 02h11min

    A cineasta belga radicada na França Agnès Varda é simplesmente um dos nomes mais importantes do cinema no mundo. Precursora da Nouvelle Vague (e historicamente injustiçada), a diretora foi muito mais do que isso: artista completa com inúmeros filmes de ficção, documentários e curtas, Varda traz uma riqueza enorme para o cinema! Rafael Arinelli, Daniel Cury, Isabel Wittmann (Feito Por Elas) e Kel Gomes (Cinematório) conversam sobre o início da vida de Agnès Varda, a relação dela com as outras artes e os estudos em Paris. Depois, é claro, entram nos filmes: tem conversa sobre La Pointe Courte e suas duas histórias de resistência, Cléo das 5 às 7 e suas simbologias, As Duas Faces da Felicidade e seu tom de ironia, além do filme-manifesto “Uma Canta, A Outra Não”, sem contar o documentário “Varda por Agnès”. Tem também conversa sobre batatas e sobre gatinhos (piada interna!). Vem dar o play que tá imperdível. Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao • 08m42: Repercussão • 16m52: Pauta Prin

  • #395: Carteirinha de cinéfilo: você tem?

    #395: Carteirinha de cinéfilo: você tem?

    05/12/2020 Duração: 01h57min

    Você é um cinéfilo? A cinefilia, ou seja, o amor pelo cinema, se tornou uma palavra muito usada mas talvez pouco pensada. Afinal, o que é ser cinéfilo e de que forma nos tornamos cinéfilos? Neste primeiro podcast do Crossover com o Canal Claquete, vamos debater sobre isso. Rafael Arinelli, Daniel Cury e Pedro Amaro (Canal Claquete) discutem se basta ver muitos filmes para se tornar um cinéfilo, e quais as questões que envolvem se aprofundar no cinema e se dedicar ao conhecimento acadêmico. Discutimos sobre o acesso ao conteúdo do cinema, os filmes de outros países e outros períodos, bem como o fato de ser elitista exigir que algumas pessoas vejam quantidades enormes de filmes. Falamos sobre a polarização, divergências de opiniões, cineclubismo, dedicação e a diferença entre fatos e opiniões! Vem que tá lindo: clique no play! Participe do nosso grupo no Telegram: https://t.me/cinemacao • 03m31: Repercussão • 14m11: Pauta Principal • 1h39m00: Plano Detalhe • 1h53m15: Encerramento Ouça nosso Podcast também

  • ESPECIAL: Montando uma Cinelist!

    ESPECIAL: Montando uma Cinelist!

    02/12/2020 Duração: 01h04min

    Sim, nós temos uma Cinelist no Telecine! Isso mesmo: o Cinem(ação) estreou uma lista de filmes com curadoria humana no app do Telecine. É por isso que, nesta incrível parceria, decidimos fazer este episódio extra especial para contar um pouco das nossas escolhas para a Cinelist! Rafael Arinelli, Daniel Cury e Henrique Rizatto conversam sobre alguns dos filmes que mais se destacaram em suas escolhas para a lista. Juntos, eles comentam filmes como “O Mau Exemplo de Cameron Post”, “Logan”, “Star Trek”, “Podres de Ricos”, “Top Gun - Ases Indomáveis”, “Central do Brasil”, “Onde os Fracos Não Têm Vez” e “Os Embalos de Sábado à Noite”. Se você quer uma cinelist variada e com filmes para todos os gostos e climas, vai adorar a cinelist do Cinem(ação)! Ah, e se você não tem Telecine, saiba que você pode ganhar 60 dias GRÁTIS clicando no link abaixo! São dois meses de graça apenas para ouvintes do Cinem(ação)! O acesso é gratuito caso você tenha os canais na sua TV por assinatura! 60 DIAS GRÁTIS NO TELECINE: https:/

página 1 de 22